domingo, 29 de novembro de 2009

VEREADOR GEAN REALIZA PELA SEGUNDA VEZ CURSO DO MOPI




Pela segunda vez ministrado em Itajuipe com carga horário de 50 horas, desta vez com condutores de veículos de Buerarema,Arataca,Una, Ibicaraí, Almadina e Coaraci o vereador Gean de Vasconcelos se antecipiou ao tempo e buscou junto ao SENAI(Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) e FIEB ( Federação das Industrias do Estado da Bahia),em Salvador, o curso do MOPI (Movimentação de Produtos Perigosos), que está sendo ministrado no Colégio Leolina Nazaré de Andrade ao finais de semana pelo professor Agnaldo Barbosa. Para Barbosa o curso é importante não só para conduzir produtos perigosos como também concientizar e educar os motoristas para o meio ambiente e cidadania. O professor disse ainda que a ação do vereador Gean de oportunizar a qualificação profissional é muito importante para o desenvolvimento da cidade, pois as empresas que conduz produtos perigosos só contratam motoristas que tenha a qualificação MOPI. Segundo o vereador Gean a sua investida para trazer o curso para Itajuípe se deu pela demanda de condutores de veículos desempregados por falta do curso qualificativo na região. "O valor total do curso é de 5.800 reais, tem 46 alunos com investimento de 140 reais por aluno, o mesmo só foi realizado fora da capital pela primeira e segunda vez em Itajuípe graças ao nosso empenho pelas causas da comunidade". - Esclarece o parlamentar.
REUNIÃO DO COMÉRCIO
Sexta-feira(27), o vereador Gean participou na câmara de vereadores(veja segunda foto) de uma reunião onde ouviu as reivindicações da recém criada Associação Comercial e Industrial de Itajuípe - ACEI. Na oportunidade o vereador se colocou a disposição para ser porta voz dos comerciantes e comerciários junto ao poder legislativo e prometeu se empenhar em levar todas as demandas dos solicitantes para o plenário da casa legislativa. O presidente da ACEI - Luiz Alberto Teles de Melo considerou o encontro muito importante e mostrou confiante no empenho dos associados para melhoramento do comercio local. Os lojistas se queixaram diante da falta de ações publica para melhoramento do centro comercial -"Nos pagamos impostos queremos mais atenção por parte do prefeito" disse um lojista para este blog. Os funcionários do comercio também se queixaram de trabalho aos domingos e feriados sem recebimento de extras pelo serviço prestado por parte dos lojistas.



segunda-feira, 23 de novembro de 2009

PPS INAUGURA SEDE E REALIZA ENCONTRO REGIONAL EM ILHEUS


O Partido Popular Socialista (PPS), realizou dois importantes eventos para a estrutura regional. No sábado (14) foi inaugurada a sede do partido em Ilhéus, localizada no bairro Hernani Sá, que tem como objetivo ponto de encontro partidário de Ilhéus e região, alem de local para atividades. O prefeito de Ilhéus Nilton Lima, o vice Mario Alexande, Rui Carvalho(PV) marcaram presença, o encontro foi marcado pela democracia entre lideranças regionais. Já no domingo (15) foi a vez do encontro regional do partido na câmara de vereadores que decidiu por lançamento de uma única candidatura a deputado estadual pela legenda na região. O evento contou com a participação do presidente do partido na Bahia, Gorge Gurgel, coordenador regional Florionato (Quito), ex-prefeito de Ilhéus e atual secretário de meio ambiente Antônio Olimpio,presidente da câmara de vereadores de Itabuna Loiola, ex-vereador de Itabuna César Brandão, Vereador pela cidade de Ilheus Marcos Flávio, presidente do PPS de Itajuípe Erenilson Santos (Erê), Mario Jorge secretário de cultura da cidade de Porto Seguro e lideranças partidarias da região. Durante o encontro Loiola confirmou sua pré candidatura a deputado estadual e disse que o partido saberá tomar a decisão que seja melhor para o povo de itabuna e região e que seria uma honra concorrer com o companheiro partidário César Brandão a vaga na estadual pela região cacaueira. Brandão mostrou se confiante no projeto da estadual do partido para o sul da baiano. Segundo Gurgel o PPS esta em 263 municípios baiano e a palavra dentro da legenda é organização.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

PREFIETO NÃO APARECE EM ENCONTRO NA PITANGUEIRA COM MORADORES



Ansiosamente aguardado no bairro da Pitangueira para uma reunião (nove de novembro), tendo como “ordem do dia”, ouvir do prefeito o porquê acabar com o único campo da comunidade. Sendo informado da fúria dos moradores pelos seus escudeiros, o prefeito Marcos Dantas não apareceu, tampouco mandou representante. Segundo moradores o projeto do prefeito (que detesta esporte), é construir uma creche no local do campo, com a promessa de contemplar com a construção do campo em outra localidade. Mas diante do descaso do prefeito com o esporte na cidade,a comunidade pitangueirense não confia na “boa intenção” do chefe do Executivo, não querem descobrir um santo para cobrir outro.”Sabemos que a creche é importante, mas, nada nos garante que a promessa será cumprida, tanto que nem aqui o prefeito apareceu para olhar em nossos olhos” – foi o que disse uma moradora furiosa. Ao tomar conhecimento na câmara de vereadores pelo vereador Gilvan Rosa Ribeiro (Van Baster), que pediu através de requerimento satisfação ao Prefeito, o presidente da câmara Zezinho Mansur disse: “esta causa tem que ser discutido, deliberado com o povo da comunidade, sabe se que a creche é importante, mas o bairro não pode ficar sem a única área desportiva que serve ate outros bairros”. Diante da falta de informação pelo prefeito a comunidade está se organizando para fazer uma grande mobilização na frente da prefeitura com faixas, cartazes e sonorização para fazer o prefeito MD desistir da ideia.

sábado, 14 de novembro de 2009

TIRE O TRASEIRO DA POLTRONA


É impressionante como A TROMBETA vem impactando o leitor, sobretudo com informações antes sufocadas à custa do conhecidíssimojabá”, recebido por parte de alguns setores podres da imprensa. A TROMBETA é esperada no meio dos leitores como um instrumento de informação por possuir conteúdo, fatos que eram imperceptíveis aos olhos da “imprensa fascista”. Estamos ajudando o povo a analisar Itajuípe por um novo ângulo. Basta dizer para os mais incautos não inventamos fatos, eles acontecem e se acontecem é um direito constitucional dos cidadãos conhecerem as versões dos mesmos. Bem como é direito a saúde, educação, segurança publica, cultura, esporte lazer e transparência das coisas publicas. O que é publico é da conta de todos. Afinal você sabe para onde vai o dinheiro publico? Se não sabe está na hora de se interessar. Tire o traseiro da poltrona vá até a câmara de vereadores, pesquise na Internet, peça orientação ao prefeito, promotor de justiça. Mas saia da inércia, só participando é possível construir um futuro mais progressista. A TROMBETA vem contribuindo com o futuro de Itajuípe graças aos nossos sábios leitores já é possível influenciar nas decisões publicas em nossa cidade. Como a informação do “roubo do barracão”, “apropriação indébita”, “obras paralisada”. Tudo isso é da nossa conta. Todavia somos-nos quem pagamos as contas com impostos, taxas e contribuições corretamente em dia, não somos melhores contribuintes da Bahia. Somos contribuintes. Temos direito a informação precisas e corretas do publico.

ZEZINHO MANSUR VOTA NA APROVAÇÃO DAS CONTAS DE DR. PAULO MARTINHO, MAS, VEREADORES REJEITAM.


Em sessão na Câmara (18), o presidente José Carlos Mansur Gonzaga votou contra o parecer do TCM (Tribunal de Contas dos Municípios), e parecer da Comissão Técnicas de Finanças, que pediam a rejeição das contas do ex-prefeito Paulo Martinho Apolinário da Silva. No parecer o relator Gilmario Costa (Zé do Lactário), optou por votar em separado as contas do ex-prefeito Valter José Gonçalves (Molico), também rejeitada pelo TCM, em 2004, quando Paulo Martinho e Molico revezaram o cargo de prefeito. O TCM condenou Martinho a devolver aos cofres públicos 1.600 (hum milhão e seiscentos mil reais), em 2007. Em sua defesa no parlatorio da câmara, o ex-prefeito Martinho disse: - não errei em beneficio próprio,tanto que vivo das custas do meu salário de medico, se tivesse 1.600 milhão,não estaria trabalhando em Cafundó (distrito de Itapitanga). Segundo o vereador Zezinho Mansur a rejeição das contas de Paulo Martinho pelo TCM, trata-se, de erros técnicos, como foram as do prefeito Marcos Dantas, aprovadas pela Câmara. “Voto contra o parecer do TCM e da Comissão Técnica de Finanças, Paulo Martinho não é meu inimigo político, temos uma boa relação” disse Mansur. Votaram no parecer do relator que aprovaram as contas de Molico e rejeitaram as de Paulo Marinho os vereadores – Edmilson Borges, Vinicius Guimarães, Fábio Almeida, Gean Silva. Vam Baster não compareceu a sessão. Eduardo Portela e Conceição Leite votaram contra a rejeição das contas, que foram rejeitadas por 5 a 3, em uma sessão marcada pelo respeito à diversidade de pensamentos, sobre tudo do presidente da casa legislativa, mesmo sendo do grupo político do prefeito Marcos Dantas, não acompanhou a recomendação do prefeito, que pedira a degola do ex-prefeito a sua bancada na câmara.

PREFEITO NÃO CONCLUI OBRAS E DINHEIRO PUBLICO VAI PARA O RALO


Uma obra orçada em 780 mil, autorizada pelo então governador Paulo Souto a revitalização do parque dos lagos ainda não saiu do papel, completamente inacabada a comunidade ainda espera a conclusão, que segundo o prefeito Marcos Dantas seria o atrativo turístico de Itajuípe, “fonte de geração de emprego e renda para a cidade”. Para os deputados do prefeito Cláudio Sampaio e Heraldo Rocha seriam o segundo ‘Dique do Tororó’(cartão postal de Salvador capital baiana), mas infelizmente o que se ver é uma calçada rústica onde pedestre e bicicletas disputam espaços sem delimitação. “Pelo projeto a obra teria ciclovia, calçada para pedestres, iluminação, arborização e guarda corpo (proteção para evitar acidente com crianças no lago), mas tudo ficou no papel” – lembra uma funcionaria publica que não quer ser identificada temendo retaliações.

 De forma igual espera se ainda a construção das 300 casas populares que começou a cinco anos, também autorizadas pelo ex-governador, orçada em 540 mil, verba do programa Viver Melhor, não concluídas. Indicações dos deputados do prefeito cujo nome do condomínio homenageara o deputado Heraldo Rocha. Coincidentemente a placa que tinha as referencias da construção sumiram em um toque de mágica. Na obra das casas populares o prefeito foi denunciado no Ministério Publico pelo proprietário da empresa Cape Consultoria (sede em Eunapolis), de pedir e receber um carro Vectra de propina para construir as casa e gerenciar o transporte escolar no inicio do primeiro mandato. Todavia pode está aí, o motivo de Itajuípe não fazer parte do programa “Minha Casa Minha Vida” do governo Federal.

FUNCIONARIO PASSA VERGONHA EM SUPEMERCADO


É de responsabilidade do prefeito Marcos Dantas em repassar mensalmente o valor descontado em folha, a empresa que administra o cartão Gold Card. Só que há três meses segundo um funcionário, o prefeito não vem repassando o valor descontado, causando constrangimento aos servidores públicos na hora de pagar compras com o cartão. Diante desse imbróglio o cartão não tem mais valor no comercio de Itajuípe. Uma outra funcionaria publica disse estar constrangida e humilhada depois que fez compras em um supermercado local, e na hora de passar o cartão, veio o aviso que não poderia pagar as compras com o cartão, pois a prefeitura não havia repassado o valor pactuado, o cartão estava bloqueado. Para apurar as constantes denuncias a câmara de vereadores enviou requerimento ao prefeito. O sindicato dos servidores públicos segundo uma funcionaria publica soube do ocorrido mais não se manifestou. Além do cartão Gold Card sem repasse o prefeito, também desconta INSS do servidor e não repassa ao órgão Federal. “O não repasse ao INSS implicará em dificuldade para a aposentadoria” – diz prepostos do INSS.
A prefeitura de Itajuípe através do seu gestor Marcos Barreto Dantas vem cometendo apropriação indébita desde o primeiro dia do seu governo. Fatos como banco Rural (empréstimo consignados), INSS e agora Cartão Gold Créd a TROMBETA vem denunciando constantemente, mas infelizmente a justiça faz vista grossa.

"ITAJUIPE ESTÁ MIL MARAVILHA" ?


Parece-me que o livro de cabeceira do prefeito Marcos Dantas é “O Príncipe” de Nicolau Maquiavel. Digo isso porque as atitudes do prefeito estão extrínsecas aos olhos de quem já teve a oportunidade ou curiosidade de ler o pensador italiano. Em alguma parte do seu livro Maquiavel ensina que para “O príncipe” se manter no poder tem que subestimar o povo, levar humilhação total, se preciso for. Quanto maior a submissão fica mais fácil o poderio. Não entendo, espero ainda compreender aonde o “melhor prefeito da Bahia” quer chegar. Qual o método administrativo que está implantando na sofrida Itajuípe que amarga à liderança em consumo de drogas e vice em prostituição infantil. Segundo dados do Território Sul da Bahia entre 26 cidades da região. Itajuípe está morrendo. A juventude não tem amparo e, escancaradamente clama por uma alternativa, a violência se alastrou a saúde e educação infinitamente precisa melhorar. Diante de tantos problemas sociais para ser enfrentados, debatidos e solucionados, o prefeito zomba, faz pouco caso convidando Paulo Souto, Cajado, Heraldo, ACM Neto e filho para inaugurar um pedaço de calcamento depois de cinco anos no poder. Interessante destacar que foi com recursos próprios. Porque as únicas obras que Cajado e Heraldo fizeram à indicação quando Paulo Souto era governador - o complexo turístico do lago e as casa populares, não foram para frente. Obras estas eleitoreiras para enganar o povo desta terra. Se o calcamento da rua “Boa Vista” foi com recursos próprios por que o prefeito quer subestimar o povo? Insinuando que os seus deputados fazem por Itajuípe. Faz e fez o quê mesmo? Tem um prêmio quem apontar uma conquista dos deputados do prefeito para esta comunidade. Como está aproximando a eleição não será estranho o prefeito associar o salário do funcionalismo publico em dia, uma reivindicação de Heraldo e Cajado junto ao governo federal e estadual. Aí já vai ser subestimação de mais para seus eleitores, principalmente para aqueles que não querem enxergar a verdade por “puxa-saquismo” mesmo. Só para fim de lembrete a rodovia Itajuípe/Coaraci tem mais buracos do que pista. É da competência do deputado Heraldo Rocha. Por que ele não reivindica ao governo estadual? Por que é oposição ao governo Wagner. Todavia se o povo continuar com os “olho
s vendados” vai continuar sonhado que os deputados do prefeito vão fazer algo por Itajuípe. Não tem força política para trazer nada. Exceto vir aqui farrear e buscar os votos que precisam para se manter no poder com falsas promessas. O compromisso do prefeito com os seus deputados é algo oculto, só eles sabem o motivo. Aquém do que Itajuípe merece, é claro, para transformar-se em uma cidade desenvolvida e promissora. Deixe pra lá, os outros prefeitos não pagaram salários em dia mesmo. Tudo pode em nome do passado. As subestimações dos seus eleitores fazem parte dos ensinamentos maquiavélicos para se manter como “O Príncipe”. E os problemas sociais da cidade? Problema? Que problema? Os deputados do prefeito que moram em Salvador não disseram na rua “Boa Vista” que Itajuípe está mil maravilhas. Deixa tudo pra lá minha gente, o prefeito está pagando em dia",. No futuro os fins justifica os meios. - como dia Maquiavel.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

TCM REJEITA CONTAS DE MARCOS DANTAS 2008

Mais uma vez o TCM (Tribunal de Contas dos Municípios), rejeitou as contas do prefeito Marcos Barreto Dantas, estas referente ao exercício de 2008, conforme parecer: 00379-09, e processo: 07644-09, e o mesmo terá de fazer devolução de 3 mil, reais aos cofres público. Dantas tivera as contas de 2005,2006 também rejeitadas pela corte. Todos os dados, se encontram no site www.tcm.ba.gov.br.

ITAJUÍPE,DESCASO ADMINISTRATIVO.

As mazelas do prefeito Marcos Dantas já se disseminou: Os absurdos vão desde apropriação indébitas como os 119 reais, dos agentes comunitário que o prefeito não repassa mensalmente, aos constrangimentos que funcionários vem enfrentando na hora de efetuar compras com o cartão Cold Card, é vergonhoso e não para por aí. Não repassa também os valores descontados em folha(empréstimos consignados), como é o caso do banco Rural e INSS. Os agentes comunitários pediu a intervenção da câmara de vereadores(dia 12 de novembro), e estão se preparando, caso não tenha a demanda atendida - paralisação.
SAÚDE
O Hospital Doutor Montival Lucas que presta serviço ao município está faltando médico, por conta do minguado repasse do município - 20 mil reais mensal. Durante a sessão na câmara de vereadores(5) o edil Eduardo Portela teve um "mal-estar" e sentiu na pele a falta de médico. Teve que ir as pressas para a cidade de Itabuna.
Nos PSF (Programa de Saúde da Família), não é diferente, é uma raridade atendimento médico.
EDUCAÇÃO
Colégio Diogenes Vinhais está com um banheiro quebrado pelo menos há 6 meses, causando um incomodo para alunos e professores que não suportam mais o mal cheiro que exala por todo o prédio..
ARQUIVO PUBLICO
No arquivo publico do município onde se encontra os documentos importantes do município, todo o acervo histórico inclusive, as obras literárias do escritor itajuipense Adonias Filho não tem energia. Segundo informações de fontes que não querem serem reveladas - a falta de energia e água se dá por conta de não pagamento da fatura.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

LITINHO O AMIGO DO ESPORTE ITAJUIPENSE


Com as praças esportivas sucateadas, interditadas e entregue ao abandono, as poucas e valiosas ações desportivas acontecidas no município são realizadas por cidadãos que acreditam no esporte como instrumento de transformação social. Como é o caso do senhor Wanderlito Barbosa de 79 anos, que realizou no dia 27 de setembro no precário ginásio de esportes, sem reforma, os Jogos primaveril de Handebol, uma competição bastante movimentada dentro e fora de quadra com queima de fogos de artifícios anunciando a chegada da primavera, charanga executando a canção da primavera em passeata pelas principais ruas da cidade com carro de som tocando a musica aquarela do Brasil, foi observada pela comunidade que saia as portas para ver o desportista Litinho e suas atletas comemorando a vitoria sobre o selecionado coaraciense pelo placar de 22 a 15. Fora de quadra não houve perdedoras, todos se confraternizaram com um almoço em um restaurante local, tudo pago com o dinheiro do próprio bolso do competente desportista que mantém a escolinha com muito sacrifício.
A Pirangy Escolinha de Handebol foi criada em 17 de julho do ano de 2002, com intuito de socializar através do esporte. Segundo Litinho a escolinha conta com crianças, adolescentes e adultos de todas as classes sociais. E para participar basta comparecer aos treinos que acontecem as quartas-feiras e sábados, sempre às 16horas. Para o incansável Litinho que é responsável pela pratica de handebol em Itajuipe desde 1968, época em que o estado tinha o Colégio Diogenes Vinhais como melhor selecionado do sul da Bahia. No entendimento do professor Litinho Itajuipe enfrenta hoje a decadência, faltam ações publicas como reestruturação do ginásio de esportes, campo de futebol e construção do ginásio de esportes do colégio Diogenes Vinhais. “Iniciei quando professor de educação física a reforma, mas infelizmente não pude concluir, ainda continua do mesmo jeito, a cada dia está difícil acreditar nos homens públicos, vez que necessário se faz capacidade e seriedade administrativa. Esporte é vida e tira o jovem do caminho que leva a perda da liberdade ou da vida” exclama o desportista, escritor Litinho. No dia 28 e 29 de novembro Litinho será homenageado, com uma copa que leva o seu nome: Wanderlito Barbosa, nas cidades de Itabuna e Coaraci pela Associação Regional de Handebol, devido sua dedicação e amor pelo esporte. Enquanto isso o experiente professor Litinho segue fazendo o que mais gosta: esporte e literatura. Em breve concluirá o seu mais novo livro “Plante que a terra garante”.

domingo, 8 de novembro de 2009

CRIANÇA MORRE DE BAIXO DE ONIBUS EM ITAJUIPE






Duas crianças caíram de baixo de um ônibus na rua Olavo Batista em Itajuipe(8), por volta da 19h. As crianças descia da rua Frei Bento de Souza - Centro - em uma bicicleta quando foram surpreendidas por um ônibus da empresa Rota que voltava de uma excursão. O resgate foram feito por populares e durou aproximadamente 30 minutos. Durante o salvamento uma das crianças ja estava sem vida, ambas foram levadas de ambulância para o hospital. Temendo lixamento do motorista por populares a policia militar deu proteção ao motorista do veiculo. Segundo testemunhas a bicicleta das crianças foram tirada do local e não tinha freios o motorista do ônibus nada pode fazer para evitar a fatalidade. As crianças de aproximadamente 10 anos ficaram presas nos pneus traseiro do veiculo.