quinta-feira, 22 de julho de 2010

EDUCAÇÃO DE ITAJUÍPE ALCANÇA META, MAS NÃO EVOLUI.


De acordo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - IDEB - 2009, ficou comprovado que o ensino do governo “Participação e Cidadania”, embora tenha alcançado a meta, não evoluiu nas séries inicial da 1ª a 4ª, o índice observado em 2007, foi 3.3, em 2009 o índice se repetiu 3.3. Embora tenha alcançado a meta projetada 2007 - 2.5 e 2009 - 2.9 até a 4ª serie, não ouve avanço em comparação com índice observado em 2007. Um caso raro foi o Colégio Municipal Pedro Alves de Melo, no distrito do Bandeira do Almada que obteve o índice 4.7, ficando a um ponto da meta projetada para 2021, que no caso do Pedro Melo será 4.8. O índice 6, é qualidade do ensino em países desenvolvido. Perguntar não ofende, o que falta para a educação itajuípense melhorar?

terça-feira, 20 de julho de 2010

ERÊ MOBILIZA MORADORES, E MINISTÉRIO PÚBLICO DETERMINA RETIRADA DE REDE ELÉRICA

Veja acima como ficou: único fio com encapamento.

Como era antes: vários fios elétricos, como neste prédio.

O promotor de Justiça Drº Yuri Lopes Mello notificou e determinou a empresa COELBA retirar rede de eletrificação, instalada inadequadamente sobre residências na Rua M, Bairro Novo I. No documento representativo dos moradores recebido pelo MP em 06/11/2007, foram anexado fotografias e assinaturas dos moradores com número de identificação. Erê lembra ainda que foi ao local com promotor em 16/07/2009 e também participou de reunião em 31/03/2010, com preposto da COELBA , Carlos Morais, promovida pelo Câmara de Vereadores onde o Vereador Gilvan Ribeiro (Van Baster) lembrou da representação em favor da comunidade feita por ele.(Erê), há mais de dois anos. Segundo moradores o problema era crônico, aparentemente sem solução, já havia sido feito várias tentativas junto à empresa e prefeitura sem êxito. A aproximação da rede elétrica das casas colocava vidas em risco constantes devido a curtos-circuitos. Se não tivesse disponibilizado seu tempo para nos representar, estaríamos na mesma situação. Diz agradecida dona Marinalva Silva moradora da rua M. Erê agradeceu a confiança e disse que intervenção do MP foi fundamental para garantir direitos e a solução do problema. Finalizou.

quinta-feira, 15 de julho de 2010

MANOBRA EXONERA PRESIDENTE DO CME

Secretária Educação Márcia Lima na Câmara 08/04, Audiência da Educação

Professora Arlete Fontes exonerada do CME, defendendo melhorias na educação.



A presidente do Conselho Municipal de Educação, professora Arlete Moreira Fontes depois de ficar no cargo durante três meses (aprovada por consenso) por vacância, renuncia dos titulares, presidente e vice foi exonerada. Vetada (12/07), pelo Controlador Interno do Município, Alex Souza, alegando desamparo no Regimento Interno do CME. 
No dia 08 de abril de 2010, em audiência pública da educação do campo (para apurar escolas precárias sem banheiros), na Câmara de Vereadores, representando o CME, pós fazer critica a situação de calamidade das escolas, a professora Arlete Fontes foi destacada pela secretária de Educação Márcia Lima, como a primeira presidente do quadro de professores do Estado a presidir o CME. Segundo a secretária Márcia Lima seria um avanço do governo “Participação e Cidadania”, na transparência do público.
 No exercício da função, sabe-se,a professora Arlete Fontes vinha fiscalizando a política de Educação do Sistema Municipal, onde constatou pagamento de tarifa de consumo de água ao SAAE, do Colégio Municipal Diógenes Vinhaes no valor astronômico de 5 mil reais. As professoras Arlete Fontes, Ana Cristina Oliveira, presidente da APLB, pediram também em sessão das comissões reunidas na Câmara de Vereadores dia 16 de junho, o arquivamento do projeto de Lei 08/2010, de autoria do poder Executivo por falta de clareza na redação. Segundo as professoras o texto foi alterado e fugia do acordo que havia tido com a Secretaria de Educação. Diante do impasse o relator das comissões reunidas, Vereador Gilvan Rosa Ribeiro opinou pela rejeição do projeto do prefeito com o voto de todos os vereadores. Nota-se que a professora Arlete Fontes vinha fiscalizando como determina o CME, possivelmente estar ai os motivos do seu afastamento em uma manobra construída nos bastidores do governo “Participação e Cidadania”, para possivelmente não vir à tona, os gastos e articulações abusivos da Secretaria de Educação Municipal. Em 2008 passou despercebido o pagamento no valor de 284 mil reais, de combustível na Educação em três meses, um absurdo. O CME, Itajuípe foi criado em 1997, alterado pelas leis nº 713/2005 e 746/2006, tem como finalidade formular as diretrizes e prioridades da política de Educação do Sistema Municipal de ensino exercendo funções normativas, consultivas, deliberativas e FISCALIZADORAS, com amparo na Lei FEDERAL nº 9.394/96 (LDB). Perguntar não ofende, Interessa quem, à exoneração da professora Arlete Moreira Fontes? Com a palavra os Vereadores e Ministério Publico.

segunda-feira, 12 de julho de 2010

COARACI TEM PONTO CIDADÃO


Desde o primeiro semestre Coaraci conta com atendimento no Ponto Cidadão. No local é possível fazer carteira de identidade, carteira profissional e outros serviços. Em visita à Coaraci comprovamos de perto a estrutura do instrumento que facilita a vida do cidadão coaraciense. O Ponto Cidadão é uma parceria do governo estadual com o município.

HUMBERTÃO FAZ UM ANO DE ABANDONO



Palco de grandes partidas de futebol, dia 16 de julho, o Estádio Humberto Badaró completa um ano que foi interditado pelo Ministério Público Estadual por falta de segurança. Os problemas vão desde viação elétrica danificada, arquibancada preste a desabar. Perguntar não ofende, interessa a quem o abandono do Estádio Humberto Badaró? É sabido por todos, o abandono do "Humbertão" faz parte de um possível "acordo" entre o representante da LIGA - Valmir Neres e o prefeito. Motivo: o prefeito cedeu misteriosamente o espaço público "Recanto do Lago" à Neres, que embora seja amante do futebol não tem interesse, os presidentes de clubes se omitem. O que justifica seu silêncio diante do descaso.

sábado, 10 de julho de 2010

MORREU GILCA PRETA


Foi sepultada hoje(10/07) no Cemitério Campo Santo em Itajuípe a ex-vereadora Gilca Ventura dos Santos. Gilca Preta como era popularmente conhecida por todos, foi vereadora por três mandatos (1996/2008). Foi dela o projeto para construção da passarela que liga os bairros A. da Liberdade à José de Anchiêta. Na última eleição municipal concorreu a vereadora pelo PSL obteve 104 votos. O velório foi no prédio da Câmara de Vereadores, deixou um filho, parentes e muitos amigos consternados.

quinta-feira, 8 de julho de 2010

DOE SANGUE,DOE VIDA


Doe sangue,procure informações na Secretaria de Saúde de sua cidade e faça esse gesto de solidariedade. Tem sempre alguém que precisa de sangue tipo o seu. Uma campanha dos blogs: A TROMBETA - MJPI.BLOGSPOT.COM (MOVIMENTO JOVEM PARA O PROGRESSO DE ITAJUÍPE), e FORMADOR DE OPINIÃO. Você pode salvar vidas!