domingo, 29 de maio de 2011

EDUCAÇÃO: FILÉ MIGNOM SEM DEVASSA.

Embora a secretária de Educação Márcia Lima dissesse em entrevista à rádio comunitária local (23/05), que acabara de autorizar uma “devassa” nas contas do FUNDEB como contrapartida de acordo com a coordenação do sindicato APLB, que reivindica auditoria nas contas da educação pelos técnicos da categoria. Não é esse mesmo espírito liberal que vemos no prefeito MD. O prefeito deixou de assinar dia 25/05 documento de suspensão do anteprojeto do Executivo que concede cinco centavos de aumento à categoria. Olha que o documento foi elaborado pelos seus secretários em comum acordo com os órgãos fiscalizadores e deliberativos do dinheiro da educação. A Secretária disse ainda na entrevista que não existe “desvio de função”. Ora, qualquer cidadão que fizer vistas nas contas da educação perceberá - desdobramentos de pessoal; diretora de escola que recebe e não vai ao colégio pelo turno matutino(Colégio Diógenes Vinhaes); pessoal que trabalha por outra pasta e recebe pela SEC. Neste caso, existe não só “desvio de função”, como também desvio de verba para outras finalidades. Senão, como justificar locação de veículos basculante para a Educação? (Contas 2009). Como justificar ainda 52.040,00 reais em contratação de bandas musicais? (contas 2009) A secretária disse ainda ser completamente a favor da “gestão plena” O prefeito sinaliza - é o que menos quer no seu governo. Não tem interesse nem pela gestão plena, tampouco em dar autonomia a secretária para usar “devassa” no “filé mignom” de sua gestão. Pois sabe, essa tal “devassa” pode lhe causar indigestão.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

PREFEITO MD NÃO QUER AUDITÓRIA NAS CONTAS DO FUNDEB.

Os secretários do prefeito não têm mesmo autonomia. O prefeito negou-se a assinar pedido de suspensão do anteprojeto de lei dos professores que os secretários de Educação, Márcia Lima e Administração e Finanças, Clecius Rocha haviam acordado com o sindicato APLB, CME, Câmara do FUNDEB. A APLB solicitou a suspensão para o projeto não ser rejeitada pela Câmara. Uma vez que o sindicato fará "auditoria" nas conta da Educação e não havia tempo suficiente. Só o prefeito podia pedir suspensão, mas, o prefeito negou-se assinar o documento elaborados pelos seus secretários. Diante da falta de interesse do prefeito,a Câmara rejeitou ontem (26) por unanimidade, o projeto que o prefeito concede 5 centavos de aumento para os professores.



O POVO QUER SABER...


Pela cidade de Itajuípe tem vários “outdoors” dizendo: “o rolo compressor vem ai”

O povo quer saber: será que esse tal de rolo compressor que vem ai, faz parte da "coleção de tratores invisíveis" do prefeito MD? (o prefeito gastou 1.255.420,00 na contratação de tratores que ninguém viu trabalhando na cidade).




JOVENS DE FUTURO:


O vereador Vinicyus Guimarães afinou mesmo o discurso, vem se revelando como líder ,mostrando que tem capacidade para galgar novos horizontes na politica itajuípense.Ontem(26) na Câmara ,deixou bem claro que pleiteará o poder Executivo.


Quem está em São Paulo participando do Congresso da CONAM ( Confederação Nacional das Associações de Moradores) e o presidente do PCdo B de Itajuípe, Juvenil Ribeiro (Baída). Baida está representando todas as associações de Itajuípe e promete no seu retorno dialogar com o segmento.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

PRESIDENTE DO PPS, ERÊ FAZ VISTAS NAS CONTAS DO PREFEITO MD.


Ao fazer vistas nas contas do prefeito MD(ano 2009),na Câmara de Vereadores nos dias 23, 24,25/05, o presidente do PPS(Partido Popular Socialista), Erê constatou a verdadeira farra do dinheiro publico. Só para se ter uma ideia, o prefeito gastou sem licitação 1.255.420,00 reais na contratação de maquinas para limpeza das estradas vicinais e lixão do município. O prefeito desviou ainda dos recursos do FUNDEB, 52.040,00 reais para promover festa, pagando bandas com valores astronômicos. O mais interessante é, que as estradas continuam todas esburacadas e as maquinas que vieram de Itapetinga e Santa Maria da Vitoria, ninguém as viram trabalhando na cidade. As contas 2009, foram rejeitadas pelo TCM/BA e serão votadas pelos vereadores em 30 de junho. O prefeito precisa de seis votos para reverter o parecer do tribunal. O vereador Van Baster (PC do B) já declarou votar no parecer do TCM/BA.

VEREADORES DO "QUINTETO DO PREFEITO" TRAEM CONFIANÇA DO POVO MAIS UMA VEZ


Os vereadores que compõe o “quinteto do prefeito”, (Eduardo Portela, Van Baster, Zé do Lactário, Conceição Leite e Fábio Almeida) deixaram de assinar denuncia ao Ministério Publico enviada pela Câmara (26/05). A denuncia oferecida ao MP tem como destaque o gasto no valor de 1.255.420,00, reais sem licitação em maquinário pelo prefeito MD. Ninguém viu maquinas trabalhando na cidade. Ao deixarem de assinar o documento, sem justificativas, os cinco vereadores já citados torna se complacentes, omissos diante dos desmandos do prefeito gastão. Os mesmos vereadores aprovaram as conta de 2008 do prefeito, onde ficou comprovada a farra do combustível. Os veredores Edmilson Borges, Gean de Vasconcelos, Zezinho Mansur e Vinicyus Guimarães assinaram a denuncia.

ITAJUIPENSES PARTICIPAM NA FTC DE CICLO DE DEBATES SOBRE DIREITO ELEITORAL





O Vereador Vinicyus Guimarães; presidentes de partidos políticos, pastor José Reis (PSC),Paulo Pinto (PTB), Erê e Tiago Reis (PPS) participaram na ultima quarta-feira (24/05), do ciclo de debates sobre direito eleitoral. O primeiro ciclo de debate foi a reforma política e as eleições municipais de 2012 e ainda o modelo ideal de sistema. Dentre os palestrantes dos mines cursos estão o advogado especialista em direito eleitoral, Osias Lopes; o juiz eleitoral, Erico Araújo; o juiz de direito e professor universitário Antonio Higino. A OAB de Itabuna foi a realizadora do evento que contou ainda com a participação dos Vereadores de Itabuna Wenceslau Júnior, Vane do Renascer, advogados e estudantes da UESC, UNIME.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

EMPRESA QUE FUNCIONA EM BOMBONIERE E TEM CONTRATO COM A PREFEITURA DE ITAJUÍPE É DENUNCIADA AO MINISTÉRIO PÚBLICO.

Os vereadores Edmilson Borges, Zezinho Mansur, Gean de Vasoncelos e Vinicyus Guimarães entregaram denuncia ao Ministério Publico Estadual de possível esquema montado entre a prefeitura de Itajuipe e uma empresa denominada “Gran Prix”. Segundo a denuncia a empresa funcionar no Bairro Novo I (Pitangueiras, foto casa rosa).Mas, no local funciona apenas uma “bomboniere”. A empresa denunciada atua no município no seguimento de construção civil e alugueis de veículos. Os proprietários foram convidados pelos vereadores para provar lisura da referida empresa não compareceram. Segundo o presidente da Câmara de Vereadores Edmilson Borges o esquema nada mais é do que uma forma de agregar “afilhados políticos” do prefeito MD, deixando de lado realização de concurso publico. No primeiro mandato, o prefeito MD, segundo denuncia do proprietário da empresa “Cap Consultoria”, pediu e recebeu um carro vectra de propina. O processo contra o prefeito tramita no Ministério Publico.